Dicas e novidades

Uma tradição que se renova

Casamento



A palavra buquê é de origem francesa, mas o costume da noiva carregar um adereço nas mãos teve início na Grécia Antiga. Naquela época os buquês eram feitos de ervas e tinham por objetivo atrair boas energias e afastar o mau-olhado. Na Idade Média, a tradição se manteve e a noiva formava um buquê com as flores, ervas e temperos que recebia durante a caminhada de casa até a igreja. Com o passar do tempo os buquês tornaram-se mais sofisticados e ganharam outros significados. Nos dias atuais, o arremesso do buquê no final da cerimônia garante o próximo casamento para a convidada que conseguir pegá-lo.